31.6 C
Jacobina do Piauí
15 de abril de 2024
Cidades em Foco
DestaqueGeralJacobina do PiauíMunicípios

Entrevista: Prefeita Mocinha fala sobre inúmeras conquistas e destaca luta por uma Jacobina melhor; Veja!

A Prefeita do município de Jacobina do Piauí, concedeu  uma entrevista e, inicialmente falou das conquistas e da viajem à Brasília em busca de emendas, que foi realizada juntamente com seu esposo, o secretário de finanças Erasmo Sousa.

 

A prefeita informou que o município nesse início de ano já tem 4 milhões empenhados, faltando apenas a liberação do recurso, isto com o empréstimo junto à Caixa. E mais 3 a 4 milhões para o final do ano, que também virá para o município através de emendas. Só de calçamento, hoje o município tem 1 milhão do empréstimo junto à Caixa, inclusive Jacobina foi um dos quatro municípios que foram selecionados em todo o Piauí para ser beneficiado.

 

A deputada federal Iracema Portela destinou através de emendas recursos para mais de 10 municípios, dentre outros, o município de Jacobina do Piauí. Foram mais de 10 milhões para esses municípios, que serão utilizados para a construção e ampliação de Unidades Básicas de Saúde e compra de equipamentos básicos e materiais permanentes para postos de saúde. Além disso, através do Ministério das Cidades, Iracema enviou para obras de calçamento e infraestrutura urbana, da ordem de mais de 6 milhões, para 10 municípios dentre estes o município de Jacobina do Piauí.

Prefeita Juscirene Oliveira, a Mocinha em Brasília com a deputada federal Iracema Portela e o deputado estadual Júlio Arcoverde.

Prefeita Juscirene Oliveira, a Mocinha em Brasília com a deputada federal Iracema Portela.

A viagem a Brasília foi devido à demora nos recursos, já estamos em março e o município não havia recebido os recursos que já deveriam ter sido licitados. Então fui atrás de cada ministério para saber onde estava o entrave. Estive com o senador Elmano Férrer que fará uma emenda casada com a deputada Iracema Portela, o senador disse que pela votação que recebeu de Jacobina, não vai colocar uma emenda qualquer. Logo terá que ser pelo menos um milhão de reais. Tudo indica que até o ano que vem teremos de 2 a 3 milhões de calçamentos investidos no município. Sobre o estádio de futebol a deputada federal Iracema Portela, deu a emenda de 450 mil reais para a reforma. Pontuou.

 

Estivemos no MDA em busca de mais um trator de esteira e também de um galpão para guardar essas máquinas.

 

Fui atrás também de uma emenda para construção do parque de exposição e vaquejada, e o deputado Júlio Arcoverde, me garantiu que ainda nesse ano, irá colocar a emenda. Nós hoje somos o maior produtor de caprinos da região, mas, quem leva a fama é Paulistana, por que esses animais são vendidos lá. Trazer a feira para nosso município, embora para alguns seja uma utopia, para mim não. Basta a gente ter um local adequado para que as pessoas venham comprar aqui. Ratificou.

 

Junto ao governo do estado temos o projeto das gambiarras que beneficiará o bairro Alto São Pedro e Centro, tem também a pavimentação da PI143 com a iluminação no trecho, entre o bairro e centro, o projeto de uma praça para os jovens, onde poderão usar Wi-Fi grátis. Junto a SDR o município tem um matadouro licitado, que supostamente ainda não foi iniciado por questões política, mesmo já estando licitado. Inclusive estarei indo verificar como está o andamento. Comentou.

 

Além disso tem o programa de aquisição de alimentos da SDR, que ajuda a comprar do produtor e doar para as famílias carentes. Tendo o requisito apenas de o agricultor ter o Bolsa Família. Hoje tudo que produzido no município, a prefeitura compra para ser usado na merenda escolar. Ainda nesse mês terá a chamada pública. Antes os agricultores não tinham pra quem vender, hoje as pessoas dizem: Agora vou plantar melancias, por que tenho para quem vender. Isso me deixa feliz por ver que estamos desenvolvendo a agricultura do município. Afirmou a prefeita.

 

A feira de verduras havia paralisado por falta de chuvas, que consequentemente não permitia os agricultores produzir, mas agora estaremos retornando, inclusive quem não participa do programa poderá vender. A feira estimula tanto quem vende como quem compra, pois são produtos sem agrotóxicos. Pontuou.

 

Foi feito um estudo em todo o município, onde todas as casas foram mapeadas, para a implantação do Programa Água para todos. Serão necessários investir cerca de 2 milhões de reais. Hoje tem energia em toda casa e muitas destas tem internet, mas infelizmente tem algumas que ainda não tem água. Nos povoados com maior número de pessoas a prefeitura está fazendo um paliativo, isto é, fazendo pequenas adutoras, até que o programa seja implantado, pois os recursos são muito pouco.

 

Várias escolas foram reformadas, hoje os alunos têm dignidade para estudar, temos escolas, forradas, massa corrida nas paredes e cerâmica no piso, isso em colégios que antes não tinha nem muros, hoje temos praças dentro dessas escolas, e além disso vamos tentar fazer inclusão digital nessas escolas. Pontuou.

 

Ainda nesse ano, será instalada em Jacobina, a vigilância sanitária, para vigiar ambientes como: lanchonetes e restaurantes, com o objetivo de orientar para que não venham ter problemas com alimentos. Imagine que alguém venha até nossa cidade e consuma determinado alimento em determinada lanchonete, se esse alguém adoece, ele nunca mais para aqui. Então a pessoa tendo orientação, o proprietário saberá como guardar os alimentos, como estocar de uma forma que vai até economizar. Vamos trazer pessoas capacitada para ministrar o curso para essas pessoas que trabalham no ramo da alimentação.

 

Estamos com dinheiro em conta para aquisição do caminhão do lixo, vamos lançar a segunda chamada se não aparecer ninguém a lei nos dá o direito de comprar fora.

 

Sobre o lixão, vamos fazer a parte estrutural, o dinheiro já foi liberado, já está em conta. Agora estamos em uma questão de projetos, devido a FUNASA ser muito detalhista. O município vai dar uma ajuda na contrapartida do projeto para que ele saia do papel.

 

O antigo lixão que fica as margens da PI143, será revitalizado, através da secretaria de meio ambiente, que inclusive sairá do papel, pois antes essa secretaria só tinha o nome. Não exercia o poder que ela deveria exercer no município. Assim que a secretaria começar a funcionar, dará início a arborização da cidade. Como sabemos nossa cidade é muito quente, e o Brasil só acordou com a falta de árvores, quando parou de chover em São Paulo. Inclusive na entrega das casas do Programa Minha casa Minha vida, cada morador ganhou uma árvore, que com um ano voltarei a essa casa para ver como está essa árvore.

 

Vamos arborizar todas as entradas da cidade e praças. Temos projeto pra isso, mas não vou esperar. A função dessa secretaria não é fiscalizar o agricultor, é mostrar que hoje não devemos mais trabalhar como à 30, 40 anos atrás, hoje temos que ter consciência ambiental. Afirmou a prefeita.

 

O município de Jacobina do Piauí, passou cerca de 1 ano no CAUC, além disso durante dois anos, a administração, estava sem o apoio de deputado estadual, federal e governo do estado.

 

 

 

 

Fonte: Ojacu

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais