28.1 C
Jacobina do Piauí
27 de fevereiro de 2024
Cidades em Foco
GeralNordeste em FocoPolícia

Homem é preso por obrigar irmã a ser estuprada em troca de dinheiro e drogas no Sul do Piauí

Foto: Prefeitura de Redenção do Gurgueia

A Polícia Civil do Distrito Federal prendeu um homem suspeito de obrigar a própria irmã, menor de idade, a ser vítima de estupro em troca de dinheiro e drogas em Redenção do Gurgueia, a 666 km de Teresina. A prisão preventiva dele aconteceu no Gama, no Distrito Federal, na sexta-feira (20).

De acordo com a delegada Roane Bezerra, da Delegacia Especializada da Mulher e Grupos Vulneráveis de Bom Jesus, o suspeito do crime é um fazendeiro do município, que era patrão do pai da vítima e já se encontra preso. As investigações apontaram que o fazendeiro oferecia dinheiro e drogas para o irmão da vítima para obrigá-la a ficar com ele. A adolescente relatou o caso para tios durante uma viagem em férias para Brasília, e foi quando foram registrados boletins de ocorrência. A identidade dos envolvidos não foi divulgada pela polícia.

“Ela falou para os tios e eles denunciaram, inclusive, tem um B.O registrado em Brasília, que eles fizeram uma mini investigação. Ela viajou para passar umas férias e quando foi para voltar para o Piauí, ela não queria de jeito nenhum, tava resistente. Foi quando contou para o pai, e fizeram um boletim no Piauí”, explicou ao Cidadeverde.com.

Segundo a delegada, a vítima foi abusada entre os 13 e 16 anos, sendo que o último abuso aconteceu ainda em 2023. Após ela fazer as denúncias, o irmão se mudou para Brasília, onde estava na casa de familiares quando foi preso. Os policiais do Piauí entraram em contato com a polícia civil do DF, que fez um trabalho de investigação para localizar e prender o irmão da vítima. À polícia, ele disse que suspeitava que o fazendeiro cometia o crime contra a irmã, mas negou a participação.

A polícia concluiu o inquérito deste caso em agosto de 2023. Em 29 de setembro, a justiça acolheu a denúncia do Ministério Público e decretou a prisão preventiva do fazendeiro e do irmão da vítima. O fazendeiro foi preso no dia 10 de outubro em uma ação em parceria da Polícia Civil com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). No mesmo dia, foi cumprido um mandado que apreendeu armas de calibre 38, munições e uma bate bucha na residência dele.

“As testemunhas durante as investigações afirmaram que o fazendeiro ficava ameaçando elas, falando ‘ah, você me denunciou que eu tô sabendo’, e ameaçava elas com arma, dizendo que se ele caísse, muita gente também ia cair junto, e sempre armado. Por isso que nós demos cumprimento ao mandado de busca e apreensão e achamos arma e munições na casa desse fazendeiro de Redenção”, disse.

Suspeito acusa família da vítima de denunciar por “vingança” 

De acordo com a delegada, o fazendeiro alegou que a família da adolescente só fez a denúncia porque uma irmã do fazendeiro foi vítima de uma tentativa de estupro e o tio da adolescente é o suspeito do crime. Este crime teria acontecido em 2022. A polícia fez a investigação a partir da denúncia da família do fazendeiro e foi instaurada uma ação penal contra o suspeito deste crime.

Para as investigações, os crimes não têm relação entre si, e o fazendeiro apenas fez essa alegação para “diminuir” a denúncia feita pela família da adolescente.

“O fazendeiro falou que achava que estava sendo acusado desse crime por parte da vítima e da família dela porque, há uns meses, um parente da vítima tentou estuprar a irmã dele. E ai já denunciaram, está correndo uma ação penal contra esse parente da vítima. Então ele acha que é uma forma de vingança da família da vítima contra ele”, finalizou.

Por Roberto Araujo / CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais