25.3 C
Jacobina do Piauí
13 de junho de 2024
Cidades em Foco
GeralPolítica

TCE bloqueia contas de 14 municípios do interior Piauí por falta de documentação

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) decidiu, nesta sexta-feira (26), por unanimidade, conceder medida cautelar determinando o imediato bloqueio das contas bancárias de 14 municipíos do Piauí.

 

Foram penalizadas as cidades de Alegrete do Piauí, Anísio de Abreu, Aroeiras do Itaim, Assunção do Piauí, Caxingó, Fartura do Piauí, Francisco Macedo, Francisco Santos, Jurema, Paes Landim, Passagem Franca do Piauí, Passavu, Redenção do Gurgueia e São Julião.

O bloqueio das contas foi pedido pelo Ministério Público de Contas. O orgão alega  que até a presente data, os municipíos estão inadimplentes com os principais documentos que compõem o Balanço Geral do exercício de 2014, impossibilitando o início da análise de suas respectivas prestações de contas pelo Tribunal.

Segundo João Luis, assessor do MPC, o balanço tem que ser apresentado ao TCE até 90 dias do ano seguinte. “Esses municípios não mandaram nem mesmo um ou principais documentos do balanço, que aí envolve o balanço patrimonial, financeiro”, explica.

Além do bloqueio, os municipíos estão sujeitos a tomada de contas do TCE. “O TCE faz o levantamento do que foi gasto e de forma autônoma faz o julgamento, que provavelmente será de irregularidade”, ressalta.

Em punição ainda mais severa, fato que ainda não aconteceu no Piauí, o município que não prestar conta está sujeito a intervenção. “”É um processo muito oneroso a intervenção, mas nunca aconteceu. Mas está previsto na Constituição”, finalizou.

 

 

Hérlon Moraes / Cidade Verde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais