20 de abril de 2024
Cidades em Foco
DestaqueGeralMunicípiosPaulistana

PAULISTANA: Agricultor perde 80% do que planta pelo atraso nas chuvas, diz Fetag-PI

Com o atraso nas chuvas no sul do Piauí, o agricultor piauiense chegou a perder cerca de 80% do que plantou. A informação é da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Piauí (Fetag) que garantiu que o prejuízo dos agricultores se refere à escassez das chuvas, já que o período chuvoso deveria estar terminando, mas ainda nem começou. O governo do estado informou que estão sendo realizadas ações como planos de irrigação, disrtribuição de sementes e identificação de locais que precisam da ação de carros pipa.

 

Para os agricultores que têm sofrido com a falta da chuva, como a agricultora Joana Paula dos Santos, a perda foi considerável. “A gente tombou (arou) a terra e ficou só a terra limpa, sem nada e seca. Sem condições nenhuma de nascer nada”, contou. Já para outros, como o agricultor Wilson Adão dos Santos, a esperança é o que os motiva. “É só ter fé em Deus e esperar a chuva chegar”, disse.;

 
De acordo com o secretário da política agrícola da Fetag, Paulo Manoel Carvalho, o Sul do estado é a região mais castigada com a falta de chuvas. “A safra da agricultura familiar do Piauí em todas as regiões está comprometida porque além de a chuva ser pouca, ela chegou de forma tardia. Na região onde o calendário de plantio começa primeiro, a chuva não veio, a plantação não cresceu e está um pouco tarde porque a região já está no fim do período chuvoso”, disse.

 
Um dos municípios do Sul do Piauí que também foi bastante afetado foi o município de Paulistana, a 452 km de Teresina. Segundo o secretário de agricultura da cidade, Renato Carvalho, o açude de Ingazeiras, que abastece o município, perdeu volume nos últimos anos e tem prejudicado o abastecimento da região. Ainda segundo ele, a distribuição de água em carros pipa ficou prejudicada. “Das 684 carradas, tivemos que reduzir para 371”, contou.

 

O governo do estado informou que já começou a fazer distribuição de sementes para agricultores de todo o estado para fazerem o plantio e posterior colheita. De acordo com o governo, estão sendo realizadas ainda ações como planos de irrigação no estado e  a identificação de locais que precisam de carros pipas.

 

 

Fonte: G1

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais