25 C
Jacobina do Piauí
21 de maio de 2024
Cidades em Foco
GeralNordeste em FocoPiauí

Governo nomeia novos superintendentes da PRF nos 26 Estados e no DF

Foto: PRF-PI

O governo federal formalizou nesta segunda-feira, 13, a nomeação dos novos superintendentes regionais da Polícia Rodoviária Federal (PRF). As escolhas constam do Diário Oficial da União (DOU).

Todos os chefes regionais da corporação, nos 26 Estados e no Distrito Federal, que estavam na gestão anterior foram exonerados pelo governo Luiz Inácio Lula da Silva (PT). As dispensas foram feitas em janeiro e alguns substitutos já vinham trabalhando interinamente.

As indicações são assinadas pelo secretário executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappeli, o número dois do ministro Flávio Dino. Embora tenha autonomia para agir, a PRF faz parte da estrutura administrativa da pasta. Há apenas duas mulheres na lista.

Veja a lista dos novos superintendentes:

– Acre: Liege Lorenzett Vieira

– Alagoas: Juliano Quintella Malta Lessa

– Amapá: Klebson Sampaio do Nascimento

– Amazonas: Benjamin Affonso Neto

– Bahia: Vagner Gomes da Silva

– Ceará: Flávio Antônio Holanda e Silva

– Distrito Federal: Igor de Carvalho Ramos

– Espírito Santo: Wermeson Mário Pestana

– Goiás: Tiago de Almeida Queiroz

– Maranhão: Francinácio Morais Medeiros

– Mato Grosso: Kellen Arthur Preza Nogueira

– Mato Grosso do Sul: João Paulo Pinheiro Bueno

– Minas Gerais: Fábio Henrique Silva Jardim

– Pará: Cassiano Hilário Ribeiro Filho

– Paraíba: Pedro Ivo Nogueira Loureiro

– Paraná: Fernando César Oliveira

– Pernambuco: Alexandre Rodrigues da Silva

– Piauí: Bruno Ribeiro Dias

– Rio de Janeiro: Vitor Almada da Costa

– Rio Grande do Norte: Péricles Venancio dos Santos

– Rio Grande do Sul: Anderson Nunes dos Santos

– Rondônia: Luciana da Silva Alves

– Roraima: Marcelo Aguiar da Silva

– Santa Catarina: Manoel Fernandes Bitencourt

– São Paulo: Edson José Almeida Júnior

– Sergipe: Vladimir Cardoso Hilário

– Tocantins: Alonso Mata Trindade

Ao longo dos quatro anos do governo Jair Bolsonaro, a cúpula da PRF manteve estreito alinhamento com o ex-presidente, o que colocou a corporação no centro de acusações de politização. O ex-diretor-geral da instituição Silvinei Vasques está sendo investigado sob suspeita de conivência com os bolsonaristas que bloquearam rodovias federais para protestar contra o resultado da eleição.

O novo diretor-geral da PRF, Antônio Fernando Souza Oliveira, tomou posse no mês passado com a promessa de afastar a corporação de bandeiras políticas e de recuperar a imagem da instituição, desgastada no governo anterior. Em seu discurso, afirmou que “atos isolados” e “abomináveis” lançaram “desconfiança” sobre a corporação e falou em “resgatar a essência” da PRF.

Fonte: Estadão Conteúdo 

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais