26.8 C
Jacobina do Piauí
22 de junho de 2024
Cidades em Foco
EconomiaGeral

Banco do Nordeste premia micro e pequenas empresas de sucesso no Piauí

O Banco do Nordeste realiza, no próximo dia 15 de junho, às 18h, no auditório do Luxor Piauí Hotel, em Teresina, a cerimônia de entrega da primeira edição do Prêmio Banco do Nordeste da Micro e Pequena Empresa. Serão entregues troféus em reconhecimento às micro e pequenas empresas piauienses que se destacaram por meio de iniciativas inovadoras e melhoria da competitividade, nos setores indústria, comércio e serviços.

A premiação acontece durante o mês de junho, em todos os estados do Nordeste e do norte de Minas Gerais e Espírito Santo. Ao todo, serão reconhecidos 30 casos de sucessos, distribuídos nos 11 estados que compõem a área de atuação do Banco do Nordeste. Essas empresas foram selecionadas em um universo de mais de 20 mil clientes que contrataram operações de financiamento durante o ano de 2014 com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE).

A finalidade do prêmio é contribuir para ampliar a cobertura do FNE no âmbito das MPEs, estimulando essas empresas a buscarem crescimento e desenvolvimento do empreendimento, seja no âmbito do desempenho econômico-financeiro, da qualidade da gestão ou de iniciativas inovadoras.

Luiz Alberto da Silva Júnior, superintendente estadual do Piauí, destaca que a premiação é um orgulho para o Banco, um grande incentivo para outros clientes.

“Acreditamos que o prêmio seja um espelhamento, que pode ter um efeito multiplicador em outros pequenos clientes que participem do nosso grupo, que também vejam naquilo uma motivação para crescer, modernizar, ter qualidade no seu trabalho. Trabalhar com qualidade e saber que há clientes que estão galgando posições, crescendo de forma tal que a gente tem condições de selecionar muitos para o mesmo, apesar de existir apenas um primeiro lugar, é muito satisfatório. Todos estão de parabéns”, enfatizou.

As empresas foram selecionadas de acordo com os seguintes critérios: faturamento anual de até R$ 3,6 milhões com pelo menos 12 meses de atividade, operação do FNE vigente e sede instalada na área geográfica de atuação do Banco do Nordeste.

No caso piauiense, as informações quantitativas e qualitativas foram analisadas por uma comissão julgadora, composta por representantes do Sebrae-PI, FCDL-PI/CDL Teresina, Associação Comercial do Piauí, Associação Industrial do Piauí, Federação das indústrias do Piauí e Associação dos Jovens Empresários do Piauí.

 

 

Cidade Verde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais