33 C
Jacobina do Piauí
21 de maio de 2024
Cidades em Foco
DestaqueGeralMunicípios

Apesar das chuvas, meteorologia prevê estiagem mais forte no Piauí

Apesar das chuvas que caíram em boa parte do Piauí nos últimos dias, a gerência de meteorologia da Secretaria do Meio Ambiente do Estado prevê precipitações abaixo da média histórica e o consequente agravamento da estiagem. “Isso é uma notícia ruim para a região do semiárido porque os reservatórios não foram abastecidos”, destacou a meteorologista Sônia Feitosa.

 

Segundo o Boletim de Informações Climáticas da Semar, vai continuar chovendo em Teresina e na região norte durante esta semana, mas que essa tendência não deve se confirmar por todo o primeiro trimestre. “Em outubro e novembro começaram as chuvas no Piauí, mas no mês de dezembro praticamente não choveu e agora as chuvas retornam. A previsão é que em janeiro, fevereiro e março as chuvas se comportem ainda abaixo da média”, contou Sônia.

 

O período chuvoso teve início no mês de novembro de 2014, quando foram registradas chuvas acima da média histórica. Já o mês de dezembro apresentou um déficit de chuvas em todo o estado. O boletim de informações informa que as precipitações desses dois meses não foi suficiente para a regularização dos reservatórios do Departamento Nacional de Obras Contras as Secas (DNOCS), que operavam até o último mês de ano passado com nível de 34%.

 

O Piauí enfrenta a pior seca dos últimos 50 anos, realidade causada pelas falta de chuvas em praticamente todo o território. Dos 224 municípios, 204 estão com estado de emergência reconhecido junto à Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, órgão vinculado ao Ministério da Integração Nacional.

 

 

 

Fonte: G1

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais