27.3 C
Jacobina do Piauí
26 de fevereiro de 2024
Cidades em Foco
GeralPolícia

Delegados do Piauí decidem paralisar suas atividades a partir do dia 25 de maio

O Sindicato dos Delegados da Polícia Civil do Piauí (Sindepol) anunciou neste sábado (16) que a categoria vai paralisar suas atividades em todo o estado a partir do dia 25 de maio. A decisão foi tomada em assembleia realizada na noite de sexta-feira (15) e aprovada por unanimidade. A greve será por tempo indeterminado.

De acordo com comunicado divulgado pelo Sindepol, a paralisação atingirá as delegacias da capital e do interior, além das centrais de flagrantes de Teresina e Parnaíba. Será a primeira vez na história que os delegados cruzarão os braços no Piauí.

Ainda segundo o comunicado divulgado pelo Sindepol, os delegados reivindicam o  cumprimento da parcela do reajuste nos moldes fixados em lei e denunciam a ausência de promoções da categoria – a categoria alega que elas não acontecem há dois anos.

Problemas como acumulações sem base legal, sucateamento da Polícia Judiciária, falta de efetivo para atender dignamente a população e falta de modernização da Polícia Civil também foram argumentos usados para justificar a paralisação.

Antes de decidir pela greve, o Sindepol garante que tentou negociar com o Governo do Estado, mas que não conseguiu um acordo. Segundo a categoria, a crise reflete a falta de atenção com a segurança pública por parte da administração estadual.

No comunicado divulgado na manhã deste sábado, o Sindepol lamenta, pede compreensão de toda a sociedade piauiense e admite anseio de que o Governo do Estado busque um entendimento com a categoria.

 

 

 

Fonte: Flávio Meireles / Cidade Verde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais