26.8 C
Jacobina do Piauí
22 de junho de 2024
Cidades em Foco
EconomiaGeral

CNJ aprova cota para negros em concursos para juíz

Foi aprovada nesta terça-feira (9) a resolução que obriga os tribunais do país a reservar no mínimo 20% das vagas dos concursos de servidores e juízes para negros. A regra vale para os concursos do próprio CNJ, órgão que aprovou a medida, como também para o STJ, para os 5 tribunais regionais federais, para os tribunais do trabalho, eleitorais e militares.

O Supremo Tribunal Federal ficou de fora da resolução porque não é submetido ao CNJ, mas já pratica a cota de 20% para negros em seus concursos de servidores. A publicação da medida deve ocorrer nos próximos dias. Somente a partir daí começará a valer, mas só será aplicada a cota para certames que oferecerem mais de 3 vagas. Quando oferecer somente três vagas, uma será para negros.

Para disputar as vagas destinadas aos negros, o candidato deverá se autodeclarar “preto” ou “pardo” no momento da inscrição. As informações serão presumidas como verdadeiras, mas em caso de declaração falsa, o candidato poderá ser eliminado ou poderá ter a nomeação anulada.

 

 

 

Fonte: Cidade Verde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais