22 C
Jacobina do Piauí
22 de junho de 2024
Cidades em Foco
GeralNordeste em FocoPiauí

Publicitária compartilha tratamento contra câncer nas redes sociais: “a luta é possível ser vencida”

Foto: Arquivo Pessoal

A publicitária Iêda Lima, de 32 anos, decidiu compartilhar nas redes sociais o seu tratamento contra o câncer de mama. A iniciativa surgiu após a jovem se sentir “perdida” depois de receber o diagnóstico da doença.

Em entrevista, Iêda Lima contou que descobriu a doença em março deste ano ao sentir um caroço na região. O resultado foi um choque, pois ela já havia feito um check-up em março de 2022, em que estava tudo normal com a sua saúde.

“Foi desesperador. Eu perdi o chão e a única coisa que eu conseguia fazer era gritar e perguntar “por que, meu Deus?”. Também fiquei alguns dias tentando achar um motivo que justificasse, onde eu tinha plantado isso que estava colhendo agora, mas depois percebi que não existe isso. Não tem ‘aqui se faz, aqui se paga’ em uma situação dessas. Aconteceu porque tinha que acontecer, porque eu precisava passar por essa situação pra entender e resolver outras coisas, inclusive ajudar outras pessoas”, contou.

A publicitária iniciou as sessões de quimioterapia no dia 24 de abril e encerrou nesta semana, no dia 5 de setembro. Ao todo, ela realizou 16 sessões e todo o processo, com os efeitos colaterais do tratamento e vivências foram compartilhados em uma série de vídeos no seu Instagram.

“Eu nunca tinha lidado com a doença tão de perto. Os casos na família não me traziam tantas referências e pesquisando na internet sempre achei coisas mais amplas e gerais. Eu não sabia onde estava pisando, não sabia como funcionava. A ideia dos vídeos é mostrar como o tratamento funciona na prática. Quais são os exames, o que dói, quais são as reações e colocar para fora também os sentimentos que aparecem no decorrer dos dias e situações. Isso torna tudo real, palpável e você consegue enxergar que apesar de muito difícil, a luta é possível de ser vencida”, conta.

Nesses últimos meses, Iêda Lima ressalta que passou por momentos muito difíceis com o tratamento, mas que o apoio e carinho que ela vem recebendo com as publicações têm mantido sua esperança, além de conseguir ajudar outras pessoas.

“Iniciei meu tratamento no dia 24 de abril e de lá pra cá tenho enfrentado dias difíceis, mas tenho tido muito apoio e isso me ajuda a manter a esperança de que minha cura já é certa! Eu tenho recebido muito apoio, carinho, orações e isso ajuda muito porque fortalece a gente. Eu não me sinto só e tenho ajudado muita gente. Pessoas passando pelo mesmo problema já me procuraram pra agradecer a leveza com que tenho falado do assunto e quem não tem o problema tem conseguido tirar boas lições para outras situações da vida”, diz.

Com a finalização da quimioterapia, a publicitária deve realizar uma cirurgia em outubro e em seguida as sessões de radioterapia. Iêda Lima reforça que vai continuar compartilhando sua rotina com o tratamento na internet.

“Compartilhar faz bem pra mim e pra muita gente. O câncer coloca a gente em situações muito difíceis e quanto mais a gente falar sobre a doença mais as pessoas vão ver que não é impossível”, acrescenta.

Apesar das mudanças que o câncer trouxe, a publicitária reforça que tenta manter seu bom astral e alegria com a certeza que os dias difíceis irão passar.

“O câncer é uma doença avassaladora, que pausou muita coisa na minha vida, mas desde o início eu busco me honrar e me manter como sempre fui: alegre, piadista e enfrentando um problema de cada vez. É uma jornada longa, mais difícil do que todos imaginam, mas passa. Tudo passa! É preciso fé, terapia pra manter os pés no chão e ainda toda ajuda que vier”, finaliza.

Fonte: Rebeca Lima / CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais