24.3 C
Jacobina do Piauí
27 de fevereiro de 2024
Cidades em Foco
EconomiaGeralInternacional

Minha Casa, Minha Vida retoma contratações para baixa renda após cinco anos; veja valores

Minha Casa Minha Vida - Foto: Reprodução/PMT

O governo federal retomou nesta quinta-feira (1º) os novos contratos do Minha Casa, Minha Vida para famílias de baixa renda, com ganhos mensais de até R$ 2.640. Essa faixa não era atendida pelo programa há cinco anos. Inscritos no Bolsa Família e no Benefício de Prestação Continuada (BPC) ganham os imóveis. O restante paga o valor de 10% de sua renda total durante cinco anos.

Jaguariúna, na região metropolitana de Campinas (SP), foi o município escolhido para o retorno. O ministro das Cidades, Jader Filho, assina com a prefeitura o início da construção de 155 novas residências.

Durante o governo do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), que alterou o nome do programa para Casa Verde e Amarela, a Faixa 1 de renda familiar deixou de ser atendida. A política habitacional focava em brasileiros com capacidade de assumir um financiamento.

O governo Lula tem como meta contratar 187,5 mil moradias em 560 municípios, disponibilizando um orçamento de R$ 9,4 bilhões, além de retomar as obras paralisadas desde o governo da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Estão previstas entregas de 7 mil unidades até abril deste ano.

Fonte: SBT News

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais