27.3 C
Jacobina do Piauí
15 de junho de 2024
Cidades em Foco
GeralPolítica

Governo e Unicef firmam parceria para melhorar alfabetização no PI

A Fundação das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), em parceria com o Governo do Piauí, lançou, nesta terça-feira (19), o programa Palavra de Criança 2015.  Na solenidade, 79 prefeitos receberam o certificado de alfabetização de crianças na idade certa e assinaram um contrato firmando o compromisso com os oito objetivos do programa para este ano.

Para o governador Wellington Dias, a alfabetização na idade correta é fundamental para a qualidade da Educação no Estado. “Um de nossos objetivos é a qualidade da educação no Estado e o pilar disso são nossas crianças aprendendo a ler e escrever na idade certa”, disse.

O programa foi implantando pela primeira vez no Piauí em 2008, com um índice de menos de 50% dos alunos do 5º ano do ensino fundamental sabendo ler, escrever e compreender um texto simples. Segundo dados de 2013, 69,1% dos alunos até o 3º ano do ensino fundamental estão alfabetizados na idade correta.

“Com a reativação do programa Palavra de Criança estamos também fazendo um trabalho preventivo, para que essas crianças cheguem ao ensino médio em plenas condições de assimilarem o conhecimento. O programa está dando certo, e nosso interesse é melhorar o ensino no Piauí”, afirma a Secretária de Estado da Educação e Cultura, Rejane Dias.

O programa Palavra de Criança foi elaborado por profissionais da educação do Piauí e é referência para o programa nacional. “O Governo Federal está fazendo um grande esforço de alfabetizar as crianças com o Programa Nacional de Alfabetização na Idade Certa (PNAIC), inspirado no Palavra de Criança, genuinamente piauiense”, afirma o diretor da UNICEF no Ceará, Rui Aguiar.

A meta do Palavra de Criança 2015 é o de assegurar uma alfabetização integral para os alunos. “Nosso principal desafio é garantir a educação integral, sobretudo a ligação da educação infantil e o ensino fundamental. Estamos pensando na educação completa da criança de zero a dez anos”, afirma Rui Aguiar.

Os oito objetivos do programa para este ano são: acesso de cada crianças à Educação Infantil aos quatro anos de idade; todas as crianças frequentando Centros de Educação Infantil e escolas por 200 dias e 800 horas anuais; todas as secretarias Municipais de Educação atendendo a condições básicas para acompanhamento pedagógico das ações da Educação Infantil e dos três anos iniciais do Ensino Fundamental; todo Centro de Educação Infantil e escolas promovendo ações de integração das famílias aos processos de aprendizagem de suas crianças; todas as crianças matriculadas no 2° ano do ensino fundamental sendo avaliadas quanto ao nível de alfabetização; todos os professores (a) da Educação Infantil e dos três anos iniciais do ensino fundamental capacitados para fazer o acompanhamento individualizado da aprendizagem de cada criança de sua turma; pelo menos, 70% das crianças em condições de ler, escrever e compreender um texto adequado a sua idade ao final do segundo ano do ensino fundamental.

 

 

Cidade Verde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais