22 C
Jacobina do Piauí
22 de junho de 2024
Cidades em Foco
GeralPiauíPolícia

Após matar arrombador, idosa de 81 anos entrega arma à polícia e confessa crime

Delegado Francisco Baretta - Foto: Renato Andrade/Cidadeverde.com

Por Caroline Oliveira – Cidade Verde

A idosa de 81 anos, Domingas Rosa de Araújo Mineiro, suspeita de matar David da Cosa Sousa, de 32 anos, ao arrombar seu comércio, se apresentou na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Ela confessou que foi ela quem atirou e entregou a arma, um revólver calibre .38, que teria sido utilizada no crime.

David da Costa morreu com tiros na cabeça, nas escadas que davam à residência de Domingas, na madrugada do dia 4 de setembro, no bairro Tabuleta, zona Sul de Teresina. Ele havia arrombado o comércio que fica embaixo da casa da idosa e subia as escadas quando foi alvejado.

No depoimento, Domingas disse que estava sozinha, ouviu um barulho e já desceu com a arma em punho. As informações da idosa, do filho que chegou ao local momentos depois e de vizinhos foram colhidos pelos policiais do DHPP.

“Ela chegou acompanhada da advogada, apresentou a arma e foi ouvida. O depoimento dela e das outras pessoas foram colhidos. Inclusive de vizinhos que afirmaram que quando o filho dela chegou, a casa já estava arrombada. Vamos aguardar os laudos de local de crime, exame cadavérico para saber o trajeto das balas para concluir o inquérito”, informou o coordenador do DHPP, Francisco Baretta ao Cidadeverde.com.

Sobre a vítima, o delegado disse que ele já respondia por tráfico, roubo e furto e era natural do Maranhão, para onde o corpo foi levado.

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais