26.8 C
Jacobina do Piauí
22 de junho de 2024
Cidades em Foco
GeralNordeste em Foco

Sistema de irrigação incrementa produção em hortas e campos agrícolas

Seu Cícero Basílio, ao longo dos seus 53 anos, dedica os últimos 13 ao cultivo de cebolinha, coentro e alface na horta do Parque Ideal, localizada na zona Sudeste de Teresina. O sol quente da capital costuma castigar os canteiros, principalmente nos últimos meses do ano. Mas, desde que a Prefeitura instalou o sistema de irrigação na horta, o sol deixou de afetar negativamente a produção e as condições de trabalho são bem melhores.

Agora, a terra fica úmida o dia todo. “Nós ligamos a irrigação sempre na parte da manhã de um lado e na parte da tarde levamos para o outro lado da horta. Assim, com a terra sempre molhada, não tem perda na produção”, explica seu Francisco Soares de Vasconcelos, o seu Chiquinho. A novidade vem animando os produtores.

A Prefeitura de Teresina já instalou sistemas de irrigação nas hortas da Tabuleta, Parque Ideal, Vila São Francisco Norte e do Buenos Aires. O investimento faz parte do Programa de Revitalização de todas as 45 hortas e dos 12 campos agrícolas do município. Ao todo, serão aplicados R$ 4 milhões, recursos oriundos de convênios com o Ministério do Desenvolvimento Social e com a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).

“Nosso objetivo é proporcionar melhores condições de trabalho e produtividade aos horticultores, que geram sua renda a partir da comercialização do que cultivam”, afirma o superintendente de Desenvolvimento Rural (SDR), Paulo Lopes.

Ele explica que, com a implantação dos sistemas de irrigação, os horticultores terão melhores condições de trabalho e podem aumentar ainda mais a qualidade dos produtos. “Eles deixarão de usar os regadores para fazer a irrigação de forma manual e terão mais tempo para cuidar da produção propriamente dita”, explica o gestor.

Investimento melhora condições de trabalho

O produtor Elisvane Soares dos Santos comenta a facilidade proporcionada pelo sistema. “Agora não precisamos passar o dia todo aguando com os regadores, debaixo do sol. Facilitou demais. Agora diminuiu o tempo que a gente usa pra irrigar”, destaca.

Além do sistema de irrigação, o Programa de Revitalização das Hortas contempla a instalação e recuperação de cercas, distribuição de ferramentas e a realização de cursos de capacitação para os horticultores. “Cerca de duas mil famílias são beneficiadas, movimentando uma economia superior a R$ 10 milhões por ano”, destaca Paulo Lopes.

Seu Chiquinho, que há 15 anos dedica sua vida ao cultivo das hortaliças, criou as quatro filhas com a renda conseguida a partir da venda de sua produção. “Tudo que eu produzo tem um destino certo. Sempre vendemos aqui para o pessoal que revende nos mercados. Desde o fim do ano, quando instalaram a irrigação, não tive mais perdas. A água é puxada do poço e irriga todos os canteiros. Se precisa, na parte da tarde quando está muito quente, a gente só complementa com o regador. Essa irrigação melhorou muito a nossa vida aqui”, comenta.

 

Fonte: Cidade Verde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais