20 de abril de 2024
Cidades em Foco
EducaçãoGeralPicos

Servidores técnicos-administrativos da UFPI paralisam atividades a partir desta segunda-feira (18)

Foto: Divulgação

Nesta segunda-feira, 18 de março, servidores técnico-administrativos em Educação das universidades federais iniciam greves em diversas instituições em todo o Brasil. O objetivo é pressionar o governo por um reajuste salarial para o ano de 2024 e melhorias nos planos de carreira.

O indicativo de greve foi aprovado em plenária da Federação de Sindicatos de Trabalhadores Técnico-administrativos em Educação das Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (Fasubra).

No Piauí, os técnico-administrativos da Universidade Federal do Piauí (UFPI) paralisam as atividades a partir desta segunda-feira por tempo indeterminado. A decisão foi tomada por unanimidade em assembleia da categoria, ocorrida no último dia 11.

Bartolomeu Carvalho, presidente do SINTUFPI, afirma: “Após vários meses de tentativas de negociação com o governo, não obtivemos nenhum avanço concreto em relação às nossas reivindicações. A greve ocorre por essa falta de diálogo do governo, com uma proposta de reajuste zero para 2024. Hoje, temos 53% de perdas inflacionárias acumuladas dos últimos anos. Também não houve avanço na reestruturação do PCCTAE (Plano de Carreira dos Cargos Técnico-Administrativos em Educação). Além disso, permanece a política de contingenciamento de recursos do orçamento federal, que prejudica diversas áreas do serviço público, como a Educação”.

Em Teresina, o Comando Local de Greve estará com atividades de segunda a sexta-feira em frente à Preuni, Prefeitura Universitária, das 08h às 12h, com realização de assembleias no mesmo local às quartas-feiras. Nesta segunda-feira também haverá mobilização no pórtico da UFPI a partir das 8h da manhã. No interior, o Comando de Greve também realiza atos em todos os campi da UFPI.

Com informações da Ascom

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais