27.3 C
Jacobina do Piauí
15 de junho de 2024
Cidades em Foco
EntretenimentoGeral

Eleita no sábado, Miss Mundo Brasil perde coroa por não ser solteira

Pouco mais de 24 horas depois de receber a coroa de Miss Mundo Brasil, a candidata de Sergipe, Ana Luísa Castro, renunciou ao título conquistado no último sábado (27) em Florianópolis. De acordo com a organização, o “estado civil” de Ana Luísa fere o regulamento interno do concurso – só podem participar mulheres solteiras. Com a decisão, o posto será assumido pela segunda colocada, Catharina Choi Nunes, de 25 anos, representante de Ilhabela (SP).

Em nota, a organização do concurso informou que “o estado civil da miss não atende às exigências prescritas no regulamento, e ela optou por abrir mão do título”. A organização do Miss Mundo Brasil afirmou que “não estava ciente do estado civil da candidata, que tem uma união homologada em outro país e decidiu por manter o processo de homologação para reconhecimento no Brasil”.

Em nota enviada à organização, Ana Luísa Castro afirmou que tem uma “união” com um belga. Segundo ela, a  “homologação” da união “pode se dar em um futuro próximo, o que poderia causar problemas para mim e para o concurso nacional”. “Entrego a coroa e o título à vice Miss Mundo Brasil, com grande tristeza no coração”, afirmou a miss, em nota.

Ana Luísa afirmou que a coordenação estadual do concurso estava ciente de seu estado civil, e que por isso seguiu com a candidatura. A organização nacional do concurso informou que está analisando o que ocorreu na esfera local para decidir que medidas tomará.

Em nota divulgada em sua página em uma rede social, o coordenador estadual de Sergipe do Miss Mundo Brasil, Fabiano Araújo confirmou que Ana Luísa havia informado sobre sua união, que estava em processo de homologação no Brasil.


Ana Luísa Castro, de Sergipe, entregou a coroa (Foto: Divulgação)

“Mas tive consultorias de que ela poderia cancelar, se vencesse”. Ele afirmou ainda que sempre agiu com “lisura” e que isenta a organização nacional do concurso “dessa situação”. “Existiu um erro que deveria ter sido corrigido logo, mas não aconteceu”, afirmou o coordenador local.

“Só após a coroação, isso [impossibilidade de ser miss] me foi revelado.  Asseguro que em nenhum momento agi de má fé”, acrescentou a jovem.

“Espero manter o contato e amizade com a organização do Miss Mundo Brasil e que a segunda colocada possa assumir e honrar este título com a mesma intensidade que o fiz nesse curto período de tempo”, disse a agora ex-Miss Mundo Brasil.

Nova miss

A nova miss tem ascendência coreana e é a primeira oriental a conquistar o título no Brasil, segundo a organização nacional do Miss Mundo Brasil. Catharina Choi tem 1,77 m de altura e é estudante de Comunicação Social. Ela já foi apresentadora de TV na Coreia do Sul. A nova miss vai representar o Brasil no concurso Miss Mundo, que acontece em dezembro, na China.


Catharina Choi Nunes, a nossa miss (Foto: Divulgação)

O concurso

Ana Luísa Castro, de 23 anos, havia sido eleita na noite deste sábado (27) como a nova Miss Mundo Brasil. A jovem, natural de Vitória, seria a segunda negra a vencer em mais de 50 anos de concurso, segundo a organização. A primeira foi Joyce Aguiar, de São Paulo, há 14 anos.

A final aconteceu em Florianópolis, pelo segundo ano consecutivo. A representante de Mato Grosso do Sul, Paula Gomes, ficou em terceiro lugar.

Fonte: G1

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais