26.8 C
Jacobina do Piauí
22 de junho de 2024
Cidades em Foco
GeralPolícia

Trio usa dados privilegiados do INSS e é preso ao tentar empréstimos no Piauí

Três pessoas foram presas na tarde desta quinta-feira (23) por suspeita de associação criminosa, falsidade ideológica e estelionato. O grupo realizava empréstimos em nome de idosos beneficiários do INSS no Piauí. De acordo com a titular da delegacia do idoso, Daniela Barros, os suspeitos já haviam solicitado valores que somavam cerca de R$ 25 mil e possuíam dados privilegiados do INSS.

A delegada informou que o grupo é formado por pelo menos cinco pessoas, mas no momento três estão presos. Uma mulher e dois homens fazem parte do grupo, um deles é idoso e se faz passar pelos beneficiários que buscam empréstimos.

“Tem uma mulher que se diz filha dele e ele que se passa por idoso para ir até as financeiras fazer o pedido de empréstimo. Eles possuem todos os dados da pessoa, até o número do benefício”, declarou.

Ela informou que um ponto que ainda deverá ser investigado mais profundamente é a forma como o grupo obtém dados sigilosos junto ao INSS, possibilitando a falsificação de documentos e solicitação do crédito.

“Esse caso ainda vai muito além, é preciso saber como eles tinham acesso a esse tipo de documento, porque eles possuíam inclusive protocolos internos do INSS. Certamente há alguém ajudando ou o sistema está muito falho, porque eles tinham tudo”, declarou.

O grupo foi preso porque uma das empresas suspeitou do pedido e denunciou à polícia. A suspeita aconteceu depois que o idoso preso fingiu ser um beneficiário que havia feito um empréstimo legal meses atrás.

Os três presos são naturais do Maranhão e a delegada suspeita que integrem uma quadrilha interestadual. Pelo menos mais duas pessoas ainda devem ser presas.

A delegada destacou que os crimes de fraude de empréstimos são os mais registrados na delegacia do idoso de Teresina. De acordo com ela, de janeiro a julho deste ano foram mais de 200 ocorrências.

 

Fonte: Maria Romero / Cidade Verde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais