26.8 C
Jacobina do Piauí
22 de junho de 2024
Cidades em Foco
GeralPolícia

Polícia incinera mais de 400 quilos de droga avaliados em R$ 7 milhões

A Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (DEPRE), da Polícia Civil do Piauí, incinerou, na tarde desta quinta-feira (2), 428 quilos de cocaína e maconha, resultado das apreensões em três grandes operações realizadas no primeiro semestre deste ano. O volume, se fosse vendido ilegalmente, renderia aos traficantes cerca de R$ 7 milhões.

De acordo com o delegado Menandro Pedro, é importante que a droga seja incinerada para evitar que ela volte às mãos dos traficantes. “Trata-se de uma quantidade imensa de droga e que vale muito dinheiro. Não podemo ficar guardando porque corre o risco do traficante invadir para pegar a droga. Por isso é importante incinerá-la logo”, explica o delegado.

Menandro Pedro informou que esta é a segunda incineração feita pela DEPRE em 2015. Uma terceira está prevista para acontecer ainda este ano, aguardando apenas a decisão da Justiça.

1000

Desde fevereiro, a DEPRE contabiliza a apreensão de 700 quilos de drogas apenas em Teresina. A meta da é apreender uma tonelada. Para isso, o delegado afirma que as investigações são intensificadas para combater o tráfico na capital.

1000

Parte da droga incinerada foi apreendida na Operação Holóphotos, que apreendeu 330 quilos de maconha paraguaia no último fim de semana em Presidente Dutra (MA) – a droga estaria a caminho de Teresina. A outra parte dos entorpecentes foi fruto de uma operação da DEPRE realizada em Bom Jesus e de uma operação do Grupo de Repreensão ao Crime Organizado (Greco).

Segundo o delegado Cadena Júnior, nunca foram presos tantos traficantes na DEPRE quanto agora. E o objetivo da equipe é prender ainda mais. “Uma das operações que realizamos resultou na prisão de um traficante do Goiás com 46 quilos de maconha, essa quantidade faz parte da droga que está sendo incinerada hoje. A droga é um problema da nossa sociedade atual e precisamos combater o tráfico”, ressaltou o delegado.

 

Fonte: Cidade Verde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais