27.3 C
Jacobina do Piauí
15 de junho de 2024
Cidades em Foco
GeralPolícia

Polícia encontra mais de 200 documentos roubados do Detran e prende 11 em operação

A Polícia Civil do Piauí divulgou em coletiva nesta terça-feira (30) o resultado da operação Adulteração que prendeu até o meio-dia onze pessoas sob suspeita de envolvimento em uma rede criminosa que alterava veículos e falsificava documentos no Piauí, Maranhão, Pará e Minas Gerais. Também foram apreendidos doze veículos. Ao todo foram cumpridos oito mandados de prisão e mais três pessoas presas em flagrante, sendo sete em Teresina, duas em Parnaíba e duas em Timon. A investigação iniciou há mais de um ano.

Durante coletiva, realizada na sede no auditório da Academia de Polícia Civil (Acadepol), a Polícia Civil informou que está investigando se a quadrilha teria envolvimento com o roubo de mais de mil documentos do posto do Detran, localizado na região do Grande Dirceu, no ano passado. À época foram levadas Certidões de Registro de Veículo e Licenciamento (CRVL) e Certidões de Registro de Veículos (CRV) que estavam nas impressoras da unidade. A quadrilha estaria utilizando estes formulários originais com dados falsos.

Um dos onze veículos apreendidos havia sido roubado do filho do ex-vereador Olésio Coutinho em Teresina há cerca de dois meses e estava com placa falsa de São Luís (MA). Da mesma forma, existem carros originários do Piauí que estão com placas como do Distrito Federal e do Ceará. Todos os automóveis estão avaliados em mais de R$ 100 mil. O carro mais luxuoso foi encontrado em Brasília.

O delegado Michel Sampaio, titular do 3º DP de Timon, informou que a máquina que confeccionava placas falsas foi encontrada em um sítio naquela cidade, onde também foram localizadas mais de 200 cédulas originais de documentos do Detran.

Segundo o delegado geral, Riedel Batista, “a quadrilha era altamente qualificada, agia em várias frentes. Uma delas era no roubo e furto dos veículos, outra na adulteração do chassis, outra na falsificação das cédulas de documentos originais do Detran, ‘esquentando a documentação’. Outro braço adulterava a placa com a máquina em Timon”.

1000

A máquina, segundo a polícia, funcionava como uma prensa e não era cara.

Riedel explica que os carros foram roubados no Piauí, Maranhão e Pará. Há suspeitas de roubos em Minas Gerais, mas ainda não foram confirmados. Após serem alterados os veículos chegavam a ser vendidos no próprio estado de origem.

 

 

Fonte: Cidade Verde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais