25.3 C
Jacobina do Piauí
13 de junho de 2024
Cidades em Foco
DestaqueGeral

No Piauí, Paulo Henrique Amorim diz que é na crise que se cresce; Saiba mais!

Durante o lançamento do Liquida Teresina, na noite desta terça-feira (11), o jornalista Paulo Henrique Amorim realizou palestra no auditório da Câmara dos Dirigentes Lojistas e comentou o cenário econômico atual do país. Para ele, o momento vivido pelo Brasil vai garantir crescimento às empresas que estiverem preparadas.

“É na crise que se cresce. As empresas que se prepararam para este momento vão conseguir se expandir. As empresas têm que conhecer seus mercados e capacitar seus funcionários. O Brasil é hoje o segundo maior investidor em infraestrutura em todo o mundo, atrás apenas então da China. Isso é uma crise?”, afirmou.

1549569_591271604318691_7934343227857042736_n

O jornalista comentou ainda que o momento conturbado na economia brasileira logo deve ser revertido. Ele falou ainda no anúncio do governo federal de investimento da ordem de R$ 180 bilhões em energia elétrica realizado hoje pela presidente Dilma Rousseff. Amorim destacou que o investimento terá impacto direto no Piauí.

Sobre o Liquida Teresina, Paulo Henrique Amorim disse que participou do lançamento de projeto semelhante em Salvador, na Bahia, há uma década. Para ele, o projeto vai ser um sucesso e vai movimentar de forma significativa a economia da capital.

“É um sucesso retumbante. No ano passado, os lojistas já viram um impacto muito positivo. Este ano se espera que cerca de 5 milhões de cupons sejam preenchidos. Espero poder voltar para a terceira, quarta e quinta edições do Liquida Teresina, se a CDL me convidar”, declarou.

O presidente da CDL, Evandro Cosme, destacou que cerca de 1.500 pontos de vendas em toda a capital vão participar da megapromoção. Os descontos aos consumidores chegarão a 70% e haverá sorteios de prêmios, como um carro zero quilômetro. Os super descontos serão oferecidos ao longo de uma semana, entre o final da agosto e início de setembro.

“Em 2014 foram cerca de R$ 60 milhões e este ano esperamos chegar a R$ 70 milhões em compras. Isso pelo menos R$ 10 milhões para os cofres públicos em impostos. Agrega ao comércio e à população de forma muito positiva. Queremos que o Liquida Teresina se consolide como uma data nobre no calendário do comércio de Teresina”, comentou.

 

Maria Romero (Flash)

Do Cidade Verde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais