28.1 C
Jacobina do Piauí
27 de fevereiro de 2024
Cidades em Foco
DestaqueGeralJacobina do Piauí

Saúde de Jacobina do Piauí promove evento em alusão ao Janeiro Branco em povoado da cidade; veja fotos

A Prefeitura de Jacobina do Piauí, através da Secretaria Municipal de Saúde, promoveu, nesta quinta-feira (1), uma palestra sobre o Janeiro Branco, mês em alusão à conscientização da saúde mental. O momento ocorreu no povoado Vila Pedra Redonda, além na UBS do centro, reunindo profissionais e populares para a discussão necessária do tema.

O Janeiro Branco é uma campanha que visa alertar para os cuidados com a saúde mental e emocional da população, a partir da prevenção das doenças decorrentes do estresse, como ansiedade, depressão e pânico. Diante da seriedade, envolve todas as faixas etárias como público-alvo, proporcionando melhor cobertura.

Durante o evento, além de proporcionar a conscientização da população, ainda foi frisada a disponibilidade de profissionais preparados para auxílio de dúvidas e prestação de serviço direto, mesmo aqueles que residem em localidades afastadas da cidade.

De acordo com o psicólogo e palestrante do evento, Kelvisson Rodrigues, o tema ainda é um tabu na sociedade, isto é, uma pauta enxergada com os olhos do preconceito e estereótipo. No entanto, a campanha serve como um meio de construir novos meios de conversa sobre a saúde mental.

“A campanha ‘Janeiro Branco’ é uma forma de construir, fortalecer e disseminar a cultura da saúde mental e emocional. O bem-estar emocional e a qualidade emocional de vida são preciosas em todas as fases da vida, do nascer ao envelhecer. Quem cuida da mente, cuida da vida”, afirmou.

Ainda segundo o palestrante, é importante levar informações para a população de modo geral e justo, considerando que o acesso é desigual, mas os casos acontecem em todos locais e merecem a atenção devida para o tratamento.

“A campanha se mostra de grande importância porque leva informações pertinentes sobre as formas do cuidar da mente e corpo, da mesma forma que também conscientiza quanto as ações que podem causar prejuízos na vida pessoal. Com a movimentação da campanha até as comunidades, os participantes que possuem difícil acesso à escuta psicológica, aproximamos os cuidados da saúde mental com esses usuários que residem em localidades distantes”, completou.

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais