22.4 C
Jacobina do Piauí
28 de fevereiro de 2024
Cidades em Foco
DestaqueGeralNordeste em Foco

Projeto arrecada mechas de cabelo para mulheres com câncer no Sul do Piauí

Projeto arrecada cabelo para mulheres com câncer no Sul do Piauí; UFPI tem ponto de coleta de mechas — Foto: Reprodução /TV Clube

Há seis anos, o projeto Fios de Alegria arrecada mechas de cabelo e as transformam em perucas destinadas a mulheres em tratamento contra o câncer. Ao todo, oito salões de beleza, sendo cinco em Picos e outros três em municípios próximos, realizam cortes de cabelo gratuitos em clientes que desejam realizar a doação de cabelo ao projeto.

“Para doar, você pode esperar seu cabelo crescer e, assim, procurar um salão parceiro onde eles realizam o corte reto gratuito para doação e a gente recolhe as mechas que foram doadas nesses salões”, afirmou a coordenadora do Projeto Fios de Alegria, Rafaela Pereira.

Neste ano, a meta do projeto é arrecadar 400 mechas de cabelo, a mesma quantidade acumulada em 2019. Um dos salões onde as voluntárias podem realizar o corte para a doação de cabelo é o do cabeleireiro Carlos Bobby. Ele destacou que a ação pretende elevar a autoestima de pacientes com câncer.

“A gente sabe da grande importância que é. O cabelo da mulher é uma grande característica que a mulher vem trazendo. Quando a pessoa passa por este processo, que é um processo difícil, a gente está ali, devolvendo um pouco da autoestima dela, isso já é muito gratificante”, disse.

As doadoras também podem entregar suas mechas de cabelo em um ponto de coleta localizado na biblioteca do campus da Universidade Federal do Piauí (UFPI), em Picos. O local recebe doações de segunda a sexta-feira, entre 8h e 21h. A campanha, que acontece desde fevereiro, segue até novembro.

O ponto de coleta foi pensado, principalmente, para as mulheres que queiram doar mechas de cabelo e que residem em outras cidades.

“As mulheres residentes em outros municípios podem fazer o corte no salão de sua preferência, basta que atenda aos requisitos exigidos pelo projeto. A mecha tem que ter 20 centímetros, tem que estar armazenada em um saco plástico”, explicou Lícia Carvalho, assistente administrativa.

Além da arrecadação de mechas, o projeto Fios de Alegria promove ações, principalmente virtuais, no sentido de conscientizar à população sobre a importância da prevenção ao câncer.

“Sabendo do alcance das redes sociais atualmente, a gente utiliza o Instagram para intensificar as ações que a gente realiza, além para conseguir mais apoiadores, mais colaboradores, mais voluntários, porque é muito importante que tenhamos colaboradores e voluntários para que o projeto possa ocorrer”, disse Luisy Gabrielle Oliveira, voluntária do projeto.

Fonte: G1-PI

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais