33.7 C
Jacobina do Piauí
14 de julho de 2024
Cidades em Foco
DestaqueGeralInternacional

Lula virá ao Piauí com 25 ministros e lançará novo programa contra a fome

Foto: Roberta Aline/MDS

Pelo menos 25 ministros acompanharão o presidente Lula (PT) em agenda em Teresina no próximo dia 31 de agosto. Na data, será feito o lançamento do Plano Brasil Sem Fome. O Cidadeverde.com apurou que a ideia de fazer o lançamento no estado partiu do próprio chefe do Executivo e reforça também a permanência de Wellington Dias (PT) no comando do Ministério do Desenvolvimento Social, uma vez que ele será o coordenador da ação.

O secretário Executivo do Ministério de Desenvolvimento Social, Osmar Júnior (PCdoB), está em Teresina nesta terça-feira (22) para alinhar os detalhes da agenda de Lula com a equipe do governador Rafael Fonteles (PT) no Palácio de Karnak. Além do lançamento do programa, Lula também terá outras duas agendas: uma visita a obras federais e uma reunião com empresários e prefeitos para tratar do novo PAC.

Foto: Ccom 

Osmar Júnior pontuou estar em missão oficial, porém, questionado durante entrevista confirmou a tese. Para ele, a vinda de Lula ao Piauí para o lançamento do programa, de fato, reafirma a permanência de Wellington Dias no cargo.

“Eu estou aqui em missão oficial, não deveria falar muito de política. Mas, acredito que seja a reafirmação da confiança que ele tem no ministro Wellington Dias. É a reafirmação e o destaque que ele dá ao programa, que tem um desafio grande, que é tirar o Brasil do mapa da fome, mas, da decisão de fazer esse lançamento aqui”, disse.

O secretário do Governo, Marcelo Noleto, pontou que a expectativa por parte do secretariado de Rafael Fonteles é de anúncio de recursos do PAC para as obras do Porto de Luís Correia, e o modal da soja para ligar o Cerrado à Teresina e Parnaíba.

Foto: Ccom 

PLANO BRASIL SEM FOME

O Plano Brasil Sem Fome é uma iniciativa de mobilização e colaboração entre o Governo Federal, Estados, Municípios, Poderes Legislativo. Judiciário e sociedade civil para eliminar a fome no pais, retirando o Brasil do Mapa da Fome da ONU.

Entre o principais objetivos estão a garantia de renda adequada para familias em insegurança alimentar, por meio do novo Bolsa Familia, inclusão produtiva, e capacitação profissional.

Além de fortalecer a agricultura familiar, ampliar o acesso a alimentos saudáveis e sustentáveis, e melhorar a qualidade da alimentação nas escolas e servicos sociais, envolvendo todos os setores da sociedade para criar um esforço conjunto e eficaz no combate à fome, promovendo transparência e participação pública.

Fonte: Paula Sampaio  / CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais