23.1 C
Jacobina do Piauí
28 de fevereiro de 2024
Cidades em Foco
DestaqueGeralMunicípiosPicosPolítica

Deputado eleito Pablo Santos descarta candidatura a prefeito de Picos em 2016

O deputado eleito Pablo Santos (PMDB) descartou a possibilidade de se candidatar a prefeito de Picos em 2016. Ele explicou que o seu grupo político precisa se fortalecer, atrair mais lideranças políticas, para somente depois pensar em disputar uma eleição municipal.

Imagem: José Maria Barros/GP1Deputado eleito Pablo Santos comenta sucessão em Picos(Imagem:José Maria Barros/GP1)Deputado eleito Pablo Santos comenta sucessão em Picos
Pablo Santos lembrou que o povo do Piauí lhe deu o mandato de deputado estadual e para exercê-lo dignamente vai escutar o seu pai, o deputado e atual secretário estadual do Trabalho e Emprego, Warton Santos (PMDB). Porém, o seu pensamento, o seu posicionamento vai colocar em primeiro lugar.
“Acho que todo político pensa em ser prefeito da sua cidade natal e eu não sou diferente. Porém, entendo que não é o momento. Temos que nos preparar mais, mostrar um trabalho na Assembleia Legislativa para quem sabe, num futuro bem próximo, disputar uma eleição em Picos” – declarou Pablo Santos.
O futuro deputado ressaltou, no entanto, que não está preparado ainda para daqui a dois anos enfrentar uma campanha municipal. “Temos que montar um grupo político maior, reunir um maior número de lideranças para quem sabe, daqui a seis anos a gente poder disputar um mandato de prefeito de Picos” – admitiu Pablo Santos.
Independente
Embora seja do mesmo partido do prefeito de Picos, Kléber Eulálio, o PMDB, o deputado eleito Pablo Santos ressaltou que não tem vínculo com nenhum grupo político. Também não participa da administração municipal.
“A eleição municipal está se aproximando e nós não temos compromisso com nenhum grupo político. Nem com o grupo do prefeito Kléber Eulálio, nem com os grupos dos ex-prefeitos Gil Paraibano e José Néri de Sousa (PTB). Estamos abertos para conversar e se tiver um nome vamos abraçá-lo no momento certo” – ressaltou.
Pablo Santos enfatizou ainda que o político tem que ter um lado, não pode ficar em cima do muro. “Nós vamos ter um lado político, porém, no momento certo iremos tomar essa decisão” – anunciou.
Para o pleito de 2016 até o momento já existem três pré-candidatos a prefeito de Picos. O atual gestor, Kléber Eulálio (PMDB), que concorrerá à reeleição; o ex-prefeito Gil Paraibano, da oposição, e o deputado reeleito Nerinho, do PTB.
Fonte: GP1

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais